Home > Releases > Obras e operações de trânsito > SPA 552 em Regente Feijó operará em Sistema Pare e Siga

SPA 552 em Regente Feijó operará em Sistema Pare e Siga

Sexta-Feira, 18 de Outubro de 2019

Neste sábado, 19, a SPA 552 - Rodovia José Batista de Souza, que dá acesso a SP-270 – Rodovia Raposo Tavares e ao município de Regente Feijó, receberá poda de árvores e arbustos.

As equipes da Concessionária realizarão a interdição parcial da pista para a execução dos trabalhos, que objetivam garantir segurança na trafegabilidade dos usuários.

Os trabalhos de manutenção serão realizados das 7h às 17h30, iniciando no Km 1+500, sendo finalizado no Km 2+500 da SPA 552, e será necessária a implantação do sistema Pare e Siga, ou seja, o trânsito neste local fluirá somente em uma das faixas, que estará devidamente sinalizada com placas de advertência e regulamentação.

“O corte é necessário e trata-se de uma medida de segurança para evitar que uma futura queda de árvores na pista comprometa a segurança viária dos condutores que trafegam pelo local”, informa o gerente de operações da CART, Luis Santos.

Em caso de chuva, o serviço será reagendado. A concessionária orienta aos motoristas que passarem pelo local a redobrar a atenção, reduzir a velocidade e jamais parar na pista para observar a operação, pois a atitude aumenta o risco de colisões traseiras.

Sobre a CART

A CART, uma empresa do grupo Invepar, administra as rodovias SP-225 - João Baptista Cabral Rennó, SP-327 - Orlando Quagliato e SP-270 - Raposo Tavares, no total de 834 quilômetros entre Presidente Epitácio e Bauru, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. Em 2019, a empresa ganhou a 1ª colocação na categoria Segurança Rodoviária e está entre as 10 melhores Concessionárias de Rodovias do Estado de SP, de acordo com o ranking divulgado pela ARTESP - Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo, órgão que regulamenta e fiscaliza o Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo. As rodovias da CART contribuem para a expansão do comércio, indústria, do agronegócio, do turismo e da prestação de serviços nos municípios cortados pelo Corredor Raposo Tavares. Monitorada e 100% duplicada, a concessão confere segurança e agilidade no trânsito de cargas, conectando o Oeste Paulista com os principais pontos de escoamento da produção do Brasil.

 

ultimos-releases