Home > Releases > Obras e operações de trânsito > Obras de duplicação da SP-225 exigem interdição temporária de retorno no dispositivo do Km 298

Obras de duplicação da SP-225 exigem interdição temporária de retorno no dispositivo do Km 298

Segunda-Feira, 8 de Maio de 2017

Para garantir uma rodovia segura, confortável e com fluidez no tráfego, a CART - Concessionária Auto Raposo Tavares dá sequência as obras de duplicação e modernização da SP-225 João Baptista Cabral Rennó. Para a realização dos trabalhos, uma das alças de saída da SP-280, o acesso 298-B, sentido leste, que possibilita o retorno na SP-225.

A alça de saída 298-B no sentido leste será interditada e o motorista que deseja realizar o retorno, deverá seguir por 5 Km até Espírito Santo do Turvo e realizar o retorno com segurança. O local da interdição estará devidamente sinalizado para a segurança do motorista.

A previsão de início da interdição para o trecho é dia 8 de maio, segunda-feira, com previsão de liberação em 60 dias. Os serviços serão necessários para o alargamento da rodovia e implantação da faixa de desaceleração.

Mais atenção

O trecho em obras exige mais atenção dos motoristas. Nessa fase em que os serviços estarão em execução, a Concessionária orienta aos motoristas que tenham paciência, mantenham a distância de segurança do veículo à frente, reduzam a velocidade e sigam as instruções da sinalização.

‘Homem bandeira’, placas, sonorizadores, cones e balizadores podem indicar ‘Pare e Siga’, estreitamento de pista, desvios, redução de velocidade, máquina no acostamento, entrada e saída de veículos da obra, entre outras intervenções comuns nas rodovias. Acreditar na sinalização e respeitá-la é o principal mandamento ao volante: a sinalização é resultado de profundo estudo técnico de engenharia e visa segurança e redução de acidentes.

A CART, uma empresa Invepar Rodovias, administra o Corredor CART, que é formado pela SP-225 João Baptista Cabral Rennó, SP-327 Orlando Quagliato e SP-270 Raposo Tavares, no total de 834 quilômetros entre Presidente Epitácio e Bauru, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. A concessionária está inserida no Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo, fiscalizado e regulamentado pela ARTESP – Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo.

 

ultimos-releases